Instrutores de autoescolas voltam ao trabalho

Em greve desde o último dia 20 de maio , os instrutores de autoescolas do DF decidiram encerrar nesta terça-feira a paralisação da classe.

Os instrutores buscavam o reajuste salarial de 15% e o ganho do vale-refeição, mas, de acordo com o Sindicato dos Instrutores e Empregados em Auto e Moto Escolas do Distrito Federal (Sieame-DF) e o Sindicato das Auto Escolas do DF (Sindauto-DF), somente essa última reivindicação foi atendida.

A categoria passa agora a contar com vale-refeição no valor de R$ 10, enquanto o piso salarial permanece o mesmo - R$ 1452,20. As autoescolas informaram que as aulas, que estão suspensas desde o início da greve, serão remarcadas e voltarão ao normal a partir de hoje. O Detran-DF ainda não se pronunciou quanto a definição do fim da greve.

Mais Cultura

0 comentários